Moro e deputados debatem nesta segunda novo código de processo penal em Curitiba

//Moro e deputados debatem nesta segunda novo código de processo penal em Curitiba

Moro e deputados debatem nesta segunda novo código de processo penal em Curitiba

 
O deputado Fernando Francischini (SD-PR) convida para um encontro com o juiz Sérgio Moro nesta segunda- feira, 21, às 19h30, na Assembleia Legislativa, em Curitiba, para discutir o projeto de lei que institui o novo Código de Processo Penal. “Nós ouviremos os maiores especialistas do país neste tema, como o juiz Sérgio Moro, procuradores, delegados da Lava Jato (Operação) e advogados”, disse.
 
Francischini pediu o apoio e a presença da população na audiência. “Mas precisamos novamente do seu ativismo digital, compartilhando e da presença de quem puder para que a pressão lícita do cidadão afete a decisão de votar contra esse absurdo (reforma do dos deputados e senadores”.
 
Poder de investigação – O parlamentar avalia ainda que a reforma do novo código de processo penal afeta diretamente os poderes de investigação do Ministério Público e da Polícia Federal. “A reforma do código de processo penal que nós queremos é para melhorar a segurança pública e diminuir a criminalidade e não para proteger bandidos e retirar poderes de investigação do Ministério Público e da Polícia”, destacou.
 
Mudanças – Entre as alterações negativas indicadas pela atual reforma do código, Francischini alertou: “A nova arma política contra a Operação Lava Jato é a reforma do código de processo penal. A votação deve ocorrer em setembro e temas extremamente importantes  devem destruir ferramentas utilizadas nas investigações e operações da Polícia Federal como a delação premiada, que ela só possa ser realizada com o investigado solto”.
 
“A condução coercitiva, que só possa ser realizada com uma negativa formal do próprio investigado; a prisão preventiva, querem prazo fixado em lei para soltar os bandidos,  independente da manutenção da motivação da sua prisão”, disse
 
E completou: “A sua prisão, em segunda instância, que apesar de ser tema constitucional, querem que o início do cumprimento de pena, volte a ocorrer somente  com o trânsito em julgado na Justiça, muitos anos depois”.
 
Organização – Promovido pela Comissão Especial Código de Processo Penal, o evento será realizado das 19h30 às 21h30, no plenário da Assembleia Legislativa, em Curitiba. O encontro terá a presença de várias autoridades da área de segurança. Dentre os convidados, participam o procurador da República e integrante da Operação Lava Jato, Roberson Henrique Pozzobon e o delegado da Polícia Civil e professor da Escola do Ministério Público, Henrique Hoffman Monteiro de Castro.
 
Palestram ainda no seminário de segurança o procurador de Justiça e coordenador do Gaeco, Leonir Batisti; o delegado federal e chefe de investigação e combate ao crime organizado do DRCOR-PR, Igor Romário de Paula; e o juiz de Direito e professor de Direito Processo penal na EMAP, ITP e Fae, Daniel Ribeiro Surdi.
2017-08-21T15:12:22+00:00 agosto 21st, 2017|Categories: Últimas|0 Comments

This Is A Custom Widget

This Sliding Bar can be switched on or off in theme options, and can take any widget you throw at it or even fill it with your custom HTML Code. Its perfect for grabbing the attention of your viewers. Choose between 1, 2, 3 or 4 columns, set the background color, widget divider color, activate transparency, a top border or fully disable it on desktop and mobile.

This Is A Custom Widget

This Sliding Bar can be switched on or off in theme options, and can take any widget you throw at it or even fill it with your custom HTML Code. Its perfect for grabbing the attention of your viewers. Choose between 1, 2, 3 or 4 columns, set the background color, widget divider color, activate transparency, a top border or fully disable it on desktop and mobile.