Greca, Richa e Bruno Araújo liberam R$ 123 milhões para obras de mobilidade em Curitiba

//Greca, Richa e Bruno Araújo liberam R$ 123 milhões para obras de mobilidade em Curitiba

Greca, Richa e Bruno Araújo liberam R$ 123 milhões para obras de mobilidade em Curitiba

 

O prefeito Rafael Greca, o governador Beto Richa e o ministro das Cidades, Bruno Araújo, assinaram nesta quarta-feira, 1º, o repasse de R$ 123 milhões de recursos federais para obras de mobilidade e saneamento em Curitiba. “Quero agradecer ao governo federal e estadual por ajudarem neste grande investimento em mobilidade e saneamento para nossa Curitiba.”

 

O “pacote” inclui o lote 4 da Linha Verde, a construção do terminal Tatuquara, a reforma do terminal Vila Oficinas e a construção de uma trincheira na Avenida Nossa Senhora Aparecida com a Mario Tourinho, além de obras e projetos para a rede de esgoto.

 

Além desses recursos, Greca também anunciou o investimento de mais R$ 60 milhões num programa para asfaltar as ruas de saibro remanescentes na capital, dando melhores condições de mobilidade para as vias.

 

Os recursos serão financiados pela Caixa Econômica Federal. Segundo o presidente do banco, Gilberto Occhi, o valor está garantido para Curitiba poder implementar os primeiros 50 quilômetros da nova pavimentação.

 

Qualidade dos projetos – O ministro das Cidades elogiou a qualidade dos projetos apresentados por Curitiba (a cidade quase perdeu investimentos por falta de acompanhamento adequado dos projetos em anos anteriores). “Para ter acesso aos recursos federais é preciso capacidade e competência”, destacou Araújo. “Os projetos de Curitiba são muito bem pensados e geridos com responsabilidade, o que permite a entrega de serviços de qualidade à população.”

 

Para o governador Beto Richa, essa é uma característica importante para que “Curitiba possa voltar a ser a referência de mobilidade como sempre foi”. “Estamos juntos construindo um estado melhor para se viver”, destacou o governador sobre a parceria com a capital.

 

Durante a cerimônia, também foi anunciada a liberação de recursos de saneamento para 19 municípios paranaenses.

 

Linha Verde – As obras do lote 4 representam a fase final das obras da Linha Verde e abrangem o trecho entre a rua Fagundes Varela e o antigo trevo do Atuba. As obras para os 2,94 quilômetros (lote 4.1) autorizadas pelo ministro terão recursos de R$ 74,9 milhões.

 

A Linha Verde é a maior intervenção urbana de Curitiba nos últimos anos. Segundo Greca, ela representa a nova fronteira de desenvolvimento da capital. “A Linha Verde agora termina. E ela não vai mais separar, mas sim unir a cidade”, disse o prefeito sobre a antiga BR que funcionava como um “muro” na capital.

 

Além da obra viária, a Prefeitura desenvolve uma Operação Urbana Consorciada na área de abrangência, a fim de garantir a consolidação de uma região que atravessa 23 bairros da capital e tem influência direta em municípios da Região Metropolitana, como Campina Grande do Sul, Quatro Barras, Colombo, Fazenda Rio Grande e Mandirituba.

2017-11-09T14:54:33+00:00 novembro 9th, 2017|Categories: Últimas|0 Comments

This Is A Custom Widget

This Sliding Bar can be switched on or off in theme options, and can take any widget you throw at it or even fill it with your custom HTML Code. Its perfect for grabbing the attention of your viewers. Choose between 1, 2, 3 or 4 columns, set the background color, widget divider color, activate transparency, a top border or fully disable it on desktop and mobile.

This Is A Custom Widget

This Sliding Bar can be switched on or off in theme options, and can take any widget you throw at it or even fill it with your custom HTML Code. Its perfect for grabbing the attention of your viewers. Choose between 1, 2, 3 or 4 columns, set the background color, widget divider color, activate transparency, a top border or fully disable it on desktop and mobile.