A volta por cima do Paraná

//A volta por cima do Paraná

A volta por cima do Paraná

Ademar Traiano

Existem momentos em que os questionamentos políticos e as divergências ideológicas precisam ceder espaço para as avaliações objetivas e as constatações práticas. Esse é um desses momentos.

Matéria publicada pelo jornal Valor Econômico, um veículo nacional de economia e finanças, com grande credibilidade, destaca: o Paraná é um ponto fora da curva na crise nacional.

Os dados são eloquentes. Com bom desempenho da sua economia, o Paraná cresce mais que a média brasileira. O PIB paranaense aumentou 2,5%, em 2017, superando de longe a média de crescimento do Brasil, que foi de 1%.

Entre os destaques desse desempenho diferenciado está a redução de 8,3% na taxa de desemprego, no final de 2017, e a criação de 36.731 novas vagas, no primeiro quadrimestre de 2018.

Outro comparativo relevante foi o da renda média domiciliar mensal: enquanto a renda do brasileiro em geral caiu 1,1%, estacionando em R$ 1.217; a do paranaense subiu 2,2%, alcançando R$ 1.476 mensais.

Ora, não existe política social e de geração de renda mais efetivas que a geração de emprego. E é nesse setor crucial, em que o papel indutor do estado é mais presente e importante, que o Paraná se diferenciou e assumiu uma posição de liderança.

O Estado chegou a esse diferencial justamente por ter feito aquilo pelo qual foi tão erroneamente criticado. O ajuste fiscal de 2015, quando a crise provocada pela gestão ruinosa de Dilma Rousseff não era sequer percebida pela maioria dos governadores.

Segundo a matéria do Valor, a indústria, que representa 25% do PIB do Paraná, cresceu 4,4% nesse mesmo período. Impulsionada por programa como o Paraná Competitivo que trouxe bilhões em investimentos para o Estado.

O governo por ter proposto, e a Assembleia por ter aprovado ajuste fiscal, foram alvos de ataques hidrófobos da oposição. Hoje, o acerto desse ajuste é reconhecido, explicitamente, pela reportagem do Valor Econômico como o grande motor dessa arrancada do Paraná. Ele foi o responsável por restituir a capacidade de investimento do Estado. Diz o jornal Valor:

“O ajuste fiscal restituiu a capacidade de investimento do Estado. Entre recursos orçamentários e verbas das estatais Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), a Companhia Paranaense de Energia (Copel) e a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA), o Paraná investiu R$ 12,59 bilhões no biênio 2016 e 2017. Para 2018, a previsão é investir R$ 8,4 bilhões – R$ 4,42 bilhões em recursos orçamentários e R$ 3,98 das estatais”.

A oposição ferrenha enfrentada pelo ex-governador Beto Richa trilhou, comprovadamente, caminhos equivocados. Mas dificilmente vai reconhecer o seu desacerto. Continuar a atacar as políticas desenvolvidas pelo governo do Paraná, no entanto, será uma tarefa mais ingrata.

Para prosseguir com seu discurso, e continuar sua campanha de desqualificação para com os rumos tomados pelo governo anterior e que, em suas linhas gerais, mantidos pela atual administração, terá de fazer malabarismos. Entre eles, contestar números objetivos, certificados por organizações idôneas como os institutos que mensuram os resultados da economia do país.

Ademar Traiano é deputado estadual, presidente da Assembleia Legislativa e vice-presidente do PSDB do Paraná

2018-07-06T10:37:01+00:00 julho 6th, 2018|Categories: paraná|Comentários desativados em A volta por cima do Paraná

This Is A Custom Widget

This Sliding Bar can be switched on or off in theme options, and can take any widget you throw at it or even fill it with your custom HTML Code. Its perfect for grabbing the attention of your viewers. Choose between 1, 2, 3 or 4 columns, set the background color, widget divider color, activate transparency, a top border or fully disable it on desktop and mobile.

This Is A Custom Widget

This Sliding Bar can be switched on or off in theme options, and can take any widget you throw at it or even fill it with your custom HTML Code. Its perfect for grabbing the attention of your viewers. Choose between 1, 2, 3 or 4 columns, set the background color, widget divider color, activate transparency, a top border or fully disable it on desktop and mobile.